5 dicas para ajudar seu cachorro com medo de fogos de artifícios

O Difusora ON selecionou cinco dicas que podem de ajudar a acalmar e minimizar os impactos causados ao seu animalzinho

Por Cristiane Moraes
Publicado em 9 de dezembro de 2021 às 18:01
...

Fim de ano chegando e os tradicionais fogos de artifícios não podem faltar! Mas afinal, como fica o seu cãozinho que tem medo desses e sofre com os barulhos altíssimos desses fogos de artifícios? Por isso, nós do DIFUSORAON selecionamos cinco dicas que podem te ajudar a acalmar e minimizar os impactos causados ao seu animalzinho.

Afinal, não queremos ver nosso fiel companheiro sofrer enquanto todos comemoram e se divertem durante a virada do ano. Então, vamos conferir nossas dicas?

1-Prepare o local

A primeira dica para acalmar um cachorro com medo de fogos é preparar a casa para o momento da queima de fogos. É importantíssimo que o pet se sinta seguro e protegido durante os estrondos. Por isso, você deve preparar um esconderijo para ele poder se abrigar, tirar do alcance do pet objetos perigosos para evitar acidentes e tentar abafar o som externo colocando cobertores nas janelas e porta. É fundamental garantir que portas e janelas estejam bem fechadas para evitar fugas.

2-Seja a companhia do cachorro

Embora preparar o ambiente seja importante, a sua companhia certamente vai garantir que o seu cachorro se sinta mais seguro. A ausência pode fazer com que ele sinta ainda mais medo e se sinta desnorteado com os estampidos.

3-Não saia com o seu pet!

Para não deixá-lo sozinho em casa, muita gente opta por sair com o pet para o local em que vão passar a virada de ano. Entretanto, esse é um erro grotesco e que pode causar um problemão! Isso porque o cachorro pode fugir ou até mesmo atacar alguém por causa do medo durante a queima de fogos.

4-Nunca o prenda!

Não é recomendado que você prenda o seu cachorro em um cômodo da casa durante os fogos de artifício, principalmente se esse local não for comum para ele. Você até pode preparar um quarto para ele com tudo o que precisa para se sentir seguro, mas ele não deve ser trancado – a menos que você feche a porta e fique com ele. Sobre correntes, não precisamos nem falar, né? Pets não devem ser mantidos presos desta forma em nenhuma ocasião!

5-Use petiscos e brinquedos

Uma boa maneira de acalmar um cachorro com medo de fogos é o distraindo durante o momento considerado muito estressante. Basicamente, você vai direcionar o foco dele para algo que ele goste a fim de fazer com que ele não “perceba” o que está acontecendo em sua volta.

Se o seu pet tem um brinquedo favorito, aquele que faz ele “esquecer o Mundo”, use-o ao seu favor. Agora, caso ele seja um amante de comida, o distraia com uma bela porção durante os estampidos.

Gostou das nossas dicas? Nos siga nas nossas redes sociais @Difusoraon e fique por dentro de tudo que acontece no Maranhão e no mundo.

© SDC - Todos os diretos reservados.