Dermatologista revela quais doenças da pele são mais comuns no verão; veja

Entre as doenças da pele mais frequentes durante a estação do verão, estão as micoses.

Por Assessoria
Publicado em 21 de novembro de 2022 às 17:35
...

O verão está oficialmente chegando e a combinação sol, areia, praia, piscina e excesso de suor elevam o risco de algumas doenças da pele. Diante disso, de acordo com a médica dermatologista Clessya Rocha, alguns cuidados são extremamente necessários, especialmente, nessa época do ano.

Entre as doenças da pele mais frequentes durante a estação do verão, estão as micoses.

Conforme a Sociedade Brasileira de Dermatologia, as micoses são infecções causadas por fungos e que podem ocorrer na pele, unhas e cabelos.

“Quando as micoses encontram condições favoráveis ao seu crescimento (calor, umidade e baixa de imunidade), os fungos acabam se reproduzindo”, explicou a médica.

Os pés, a virilha e as unhas são os lugares mais comuns em que elas aparecem, mas isso não significa que outras partes do corpo estejam imunes. Vale lembrar que ninguém está livre delas, crianças, jovens, adultos e idosos.

A melhor forma de evitá-las, de acordo com a SBD, é manter hábitos de higiene, como: secar-se bem após o banho, principalmente áreas de dobras da pele, como virilha, entre os dedos dos pés e axilas. Deve-se também evitar andar descalço em pisos constantemente úmidos (lava-pés, vestiários, saunas).

A dermatologista também afirmou que é muito importante evitar calçados fechados durante o período. “Quando mais o corpo estiver livre, melhor”, pontuou.

Outra doença que pode surgir no verão é o aparecimento de brotoejas. Elas são pequenas bolinhas que surgem, especialmente em bebês, devido ao contato da pele com o suor, principalmente nas “dobrinhas” da própria pele ou das roupas. Podem ser bolhas transparentes com pouca coceira ou “bolinhas” avermelhadas que coçam bastante.

Entre os cuidados preventivos estão: usar roupas leves e soltas e evitar locais muito abafados que propiciam a sudorese excessiva são algumas dicas para evitar brotoejas, sobretudo em pessoas predispostas.

© SDC - Todos os diretos reservados.