PF investiga homem que incentivou criação de vaquinha virtual para atirar em Lula

O objetivo do dinheiro arrecadado na vaquinha virtual era contratar um mercenário para atirar no presidente Lula. O suspeito teve o celular e o computador apreendidos.

Por Wesley Maranhao
Publicado em 6 de fevereiro de 2024 às 14:30
...

Uma vaquinha online virou alvo de uma operação da Polícia Federal desencadeada nesta terça-feira (6), no Espírito Santo. A ação teve o objetivo de investigar um homem que fez postagens em redes sociais com a intenção de criar uma vaquinha virtual para contratar um mercenário.

A intenção do suspeito era contratar um mercenário para atirar no presidente Lula.

A PF chegou a residência do suspeito em Aracruz/ES e apreendeu celular e o computador do investigado. Segundo a Polícia Federal, o homem colaborou e admitiu as postagens nas redes sociais.

Celular e computador apreendidos – Foto: Polícia Federal/Divulgação

A ordem judicial para apreensão dos materiais foi expedida pelo Juízo da 1ª Vara Federal de Linhares /ES.

© SDC - Todos os diretos reservados.