Sem flagrante e sem mandado, jovem confessou que ajudou a levar móveis para cativeiro