A certificação estadual de comunidades Quilombolas é um dos efeitos do Estatuto Estadual da Igualdade Racial e visa oficializar a existência das comunidades quilombolas