Manifestantes cobram da Semed contratação de professores para a escola U.I Artur Azevedo.